Easy London

Novo livro de Harry Potter já supera os 3 milhões de exemplares vendidos


"A editora Scholastic anunciou que o livro baseado na peça Harry Potter and The Cursed Child já vendeu mais de 3,3 milhões de cópias pelo mundo desde o seu lançamento em 31 de julho. Além disso, a publicação também aumentou a procura pelos livros da saga oficial do bruxo.

“Nós estamos muito satisfeitos em ver o entusiasmo sustentado por Harry Potter and The Cursed Child – Partes 1 e 2, que também gerou mais interesse pelos sete livros de Harry Potter já publicados”, aifmrou a presidente da Scholastic, Ellie Berger, em comunicado.

A obra chegou a vender mais de 2 milhões de cópias na América do Norte em seus 2 primeiros dias, se tornando ainda o livro vendido mais rápido do Reino Unido em uma década.

O espetáculo estreou em 31 de julho e a autora J.K. Rowling confirmou que Harry Potter and the Cursed Child será a última aventura do bruxo – leia aqui.

Harry Potter Cursed ChildJá está à venda a mais recente obra de J.K Rowling, Harry Potter and the Cursed Child. A oitava parte da saga do bruxinho mais famoso do mundo promete arrebatar o público que já se encantou pelos livros anteriores, que também viraram filmes no cinema. CLIQUE AQUI e garanta já seu exemplar!

J.K. Rowling posa com elenco da peça e diz: “Quero que o mundo veja”

Os 10 momentos em que a criadora de Harry Potter arrasou no Twitter

Na peça, dividida em duas partes, enquanto Harry luta contra um passado que se recusa a ficar no passado, seu filho mais novo, Alvo Potter, precisa lidar com o peso de um legado de família que ele nunca quis. Enquanto passado e presente começam uma sinistra fusão, pai e filho aprendem uma verdade desconfortável: às vezes a escuridão vem de lugares inesperados, diz a sinopse de Harry Potter and the Cursed Child.


Além disso, o universo de Harry Potter também ganhará um filme derivado, Animais Fantásticos e Onde Habitam. Com estreia marcada para novembro deste ano, o longa servirá como o início de uma trilogia derivada. As estreias dos próximos filmes vão acontecer em 2018 e 2020."

Fonte: Observador

Rendas baixam em Londres pela primeira vez desde 2010



"Os arrendamentos com novos contratos em Londres baixaram em Julho pela primeira vez desde Novembro de 2010, indica um estudo realizado após a decisão britânica de deixar a União Europeia (UE), avança o site Notícias ao Minutos que cita a Lusa.

No estudo publicado hoje, o grupo Countrywide destacou uma redução de 0,5% nos alugueres com novos contratos na capital britânica em Julho, em comparação com o mesmo mês de 2015.

A decisão britânica de deixar a União Europeia ('Brexit') levou a uma vaga de preocupação no mercado imobiliário no Reino Unido, particularmente em Londres, depois do crescimento dos últimos anos.

O preço médio de uma casa vendida em Londres é de cerca de 619.400 libras (716.500 euros), indica o estudo, avança a agência."

Fonte: Económico